Trabalho sem registro pode contar para aposentadoria do INSS; confira as orientações

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Aline 15/07/2021 Relatar Quero comentar

Olá, querido amiguinho.  É claro que hoje ainda vou compartilhar com você um pouco sobre o aspecto financeiro do conteúdo, afinal de contas, você também sabe que sou principalmente para compartilhar o conteúdo financeiro, não estou brincando com você, vamos entrar no assunto principal e dar uma olhada no que estou compartilhando com vocês hoje.  

 Para as coisas financeiras nós todos temos dúvidas de uma forma ou de outra, nós lutamos para encontrar um emprego ou começar um negócio, e também pode ser sobrecargado por mudanças no mercado econômico, não posso dizer que tem um profundo conhecimento sobre as coisas financeiras, aqui é principalmente para fornecer o conteúdo e informação mais útil,  E fornece as últimas notícias, os relatórios mais atualizados e os dados mais autênticos.

É possível incluir o período de trabalho sem registro como tempo de contribuição para solicitar a aposentaria. O trabalhador, ao planejar o pedido de aposentadoria ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), pode ter essa dúvida quando exerceu atividade profissional sem registro em carteira.

Uma recomendação importante para quem busca comprovar o período trabalhado sem registro é que não espere a hora de se aposentar para se adequar. Quanto mais tempo passar, mais difícil será ter provas para garantir esse período de tempo, orienta o Jornal Contábil.

O INSS e a Justiça do Trabalho não permitem somente a prova testemunhal como comprovação do tempo trabalhado. Somente com uma prova documental poderá ser utilizada a confirmação por testemunhas.

A comprovação do período trabalhado sem registro pode ser feita com qualquer documento que confirme o exercício da atividade. Entre os documentos:

Ficha de registro; Holerites; Recibos de pagamento Documentos de férias Extratos bancários contendo depósitos Documentos do sindicato Fotos trabalhando

Se a condição de trabalhador for reconhecida, a responsabilidade de recolhimento do INSS será da empresa e não do empregado.

Consegui ler artigo partilhar convosco hoje, todos vocês vão pensar para comigo, segura-te tempo para fazer o que tu farias agora, não hesite em investir dinheiro ou começar um negócio à procura de um emprego, se ainda não sabe muito sobre as questões financeiras, por favor, siga o nosso site e nós forneceremos informações mais valiosas.

Comentário do usuário