7 dicas para reformar a casa sem gastar muito

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Aline 27/07/2021 Relatar Quero comentar

A sua mudança já aconteceu há muito tempo e a casa ou o apartamento não está mais do mesmo jeitinho que você comprou? Então talvez você queira reformar a casa sem gastar muito.

As finanças, muitas vezes, impedem de fazer o que de fato é necessário para dar uma “cara nova” ao seu lar. Mas ficando atento às próximas dicas, isso será possível!

Veja como reformar a casa sem gastar muito

1. Planejamento

Quando falamos em vendas, o ditado mais conhecido é: “a propaganda é a alma do negócio”; e quando queremos economizar e lidamos diretamente com nossas finanças, podemos dizer que a alma do negócio é o planejamento.

Sem ele é impossível haver uma organização e você pode acabar se perdendo com tantas coisas a serem feitas e uma infinidade de ideias que surgirão para a sua reforma.

Coloque no papel tudo o que deseja alterar na sua casa; Divida os cômodos e pontue o que será feito em cada um deles; Crie uma ordem. Tenha em mente o que deve ser mexido antes do outro, levando em consideração a parte prática e a agilidade de quem realizará o serviço. Fazer um cronograma é ideal para a sua reforma.

Com o planejamento você evitará gastos extras e compras que não sejam interessantes e eficazes para o momento dessa mudança. Então, não pule essa etapa porque ela é muito importante.

2. Faça um orçamento para a reforma

O segundo passo para reformar a casa sem gastar muito é criar uma lista com todos os materiais de construção que serão necessários utilizar. Depois, pesquise os itens em todos os lugares que conseguir.

Confira os preços em lojas virtuais, vá às ruas e compare os valores, checando sempre as opções de desconto.

Se for possível, faça esse estudo com alguém que tenha conhecimento, é claro, se você não entender muito bem sobre o assunto.

Caso já tenha escolhido o profissional que trabalhará na sua casa, pedir ajuda a ele pode ser uma boa opção. Ele trabalha constantemente com isso e poderá tirar suas dúvidas e auxiliar no que for preciso.

3. Estabeleça um limite para os gastos

Para que suas  , podendo gerar dívidas, estabeleça um limite ideal de gastos.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário