Querido âncora da TV Globo morre precocemente aos 51 anos e causa comoção; ele deixa filho de 6 anos

Matérias Oficiais(+10% Clicks) Yasmim 09/03/2021 Relatar Quero comentar

Na madrugada deste domingo, dia 07 de março, faleceu aos 51 anos, o ex-apresentador do RJTV, Fabio Brunelli.

O jornalista que trabalhou por diversos anos na TV Globo estava internado por conta do tratamento de um câncer em um hospital particular localizado na cidade de Resende, no Rio de Janeiro.

Além do belo trabalho que foi realizado por Fabio Brunelli para a TV Globo, ele não se limitou à apresentação do telejornal.

Fabio também foi editor-chefe do RJ2 da TV Rio Sul, afiliada da emissora na região Sul do estado por duas décadas.

Durante os períodos eleitorais, ele era bastante conhecido por assumir os debates e outros projetos de natureza especial.

O corpo do profissional da imprensa será levado para a cidade de Volta Redonda, onde passará por uma cerimônia de cremação.

Por conta da pandemia provocada pelo coronavírus, Fabio Brunelli será enterrado sem cerimônia fúnebre. Ele deixa esposa e um filho de apenas seis anos.

O início de sua prestigiosa carreira aconteceu no rádio, passando para a televisão em novembro de 1989, quando tinha somente 20 anos, sendo âncora da extinta TV Manchete.

Logo depois foi contrato pela afiliada da TV Globo, tornando-se um dos principais nomes da emissora.

Colegas que também trabalharam na televisão ao lado de Fabio lamentaram sua morte, por meio de publicações feitas a partir das redes sociais.

“O Fabio sempre foi um profissional sereno, correto, justo e ponderado. Será para sempre amigo, eterno”, disse Teresa Garcia, ex-gerente de jornalismo da TV Rio Sul.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar