Quais novos hábitos o brasileiro deve ter para evitar aumento na conta de luz?

Matérias Oficiais(+10% Clicks) - Aline 22/07/2021 Relatar Quero comentar

Outro fator agregado ao mesmo produto é o nível de temperatura programado, pois quanto mais alto for, maior será o consumo. Em dias frios, por exemplo, recomenda-se deixar a geladeira no nível médio ou baixo de temperatura.

É importante ter consciência de que geladeiras antigas, aquelas com mais de dez anos de uso, consomem mais energia do que os novos modelos. A média de consumo pode chegar a 45% neste caso. A recomendação é para se atentar à classificação do aparelho apresentada pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), que vai de A a F. 

Para se ter uma ideia, cerca de 100% das geladeiras comercializadas no Brasil são classificadas na categoria A, embora haja refrigeradores com um consumo na margem de 30% a menos que outros. Por esta razão, é aconselhável sempre verificar a etiqueta além da classificação. 

No geral, os principais hábitos que podem ser modificados para economizar na  , são:

Evitar tomar banho em horários mais frios para usar a potência menor do chuveiro; Não colocar panelas ou outros recipientes quentes na geladeira, pois essa prática aumento o consumo de energia; Lavar o maior número de peças de roupa possíveis de uma só vez, para evitar ligar a máquina de lavar várias vezes; Não colocar roupas para secar atrás da geladeira;  Reduzir o uso da secadora de roupas; Reunir todas as roupas a serem passadas e começar por aquelas que não precisam do ferro muito quente;  Reduzir o uso frequente de aquecedores de ambiente; Substituir lâmpadas incandescentes por lâmpadas de LED; Priorizar a iluminação natural durante o dia; Não deixar eletrônicos ligados na tomada constantemente sem necessidade;

ASSISTA AGORA:

Comentário do usuário