Mulher descobre gravidez logo após adotar recém-nascida prematura de pele negra

Matérias Oficiais(+10% Clicks) Yasmim 26/02/2021 Relatar Quero comentar

Rebekah Laskowski é norte-americana, ela já tinha dois filhos, Georgia de 4 anos e Griffin de 2, mesmo assim, sentiu em seu coração que, deveria ter mais filhos, porém, estava decidida a não ter mais filhos biológicos. Veja como ela explicou esse sentimento ao site Love What Matters.

“Meu marido, que também era meu primeiro namorado, e eu sabíamos, em nossos corações, que nossa família não estava completa”, e lembrou: “Estávamos extremamente nervosos para ter outro filho biológico”.

Foi então que Rebekah e o marido tentaram, até que o teste para gravidez deu positivo. O casal ficou feliz, mas ela teve descolamento de placenta.“Nosso filho saudável nasceu pré-termo”, disse ela.

“Sabíamos que a adoção estava em nossos corações e sentimos que esse era um sinal para avançarmos com essa ideia”, disse Rebekah.

Com a decisão tomada de adotar uma criança, o casal soube que o nascimento de uma menina estava previsto para o final de junho.

A bebê nasceu prematura, com cerca de 10 semanas antes do previsto.

“Mas mal sabíamos que, na época, nossa garota Goldie tinha outros planos. Ela decidiu que não podia esperar para conhecer sua primeira mãe e nós também!”

“Nós passamos 6 longas semanas na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal enquanto nossos dois filhos mais velhos estavam em casa”, disse Rebekah que, contou com a ajuda da mãe para cuidar dos filhos em casa.

“Foram semanas exaustivas vendo nossa menina crescer e lutar para finalmente conseguirmos levá-la para casa. Eu estava tão grata pela montanha-russa de emoções finalmente chegar ao fim… Era o que eu pensava”.

Clique na segunda página para continuar navegando
Comentário do usuário
Você pode gostar